terça-feira, 28 de julho de 2009

Pitacos sobre a 15º Rodada do Brasileirão


A décima quinta rodada vem aí. Começa na quarta com os sete jogos de praxe e é concluída na quinta, data esta que teremos um novo líder.

Nos aflitos, o Naútico pega o Santos. O Timbu, que vem de uma sequencia de três milhões de jogos sem vitória, terá a chance de quebrar esta "invencibilidade". Contudo, o time do Naútico é fraco. Tem como ponto forte os velozes e pouco eficientes Carlinhos Bala e Gilmar. É muito pouco. Vai ser uma luta constante contra o rebaixamento. Já o Peixe, que vem de derrota em casa, buscará a reabilitação. Inegável que Luxa terá muito trabalho pela frente. Sem Kleber Pereira, o Santos fica sem qualquer referência ofensiva. Terrível para um time que já tem em sua defesa o ponto mais fraco. Dará Náutico. O Timbu conseguirá a tão esperada vitória e a crise se instalará de vez na Vila..

E o Coxa enfrentará, em casa, o Botafogo. O Time do Rio vem em ascensão, graças ao ótimo Ney Franco. Depois de um bom jogo contra o Inter, o Botafogo vem forte para o Paraná e dará muito trabalho ao time da casa. Por sua vez, o Coxa, que não engrena nem para, terá que vencer para não ficar as portas do rebaixamento, sabendo que a sequencia da tabela lhe reserva um jogo duro contra o Galo em BH. Assim, ou o Coxa ganha ou estará na degola nas próximas rodadas.

E em Porto Alegre, o outrora favorito Inter enfrenta a surpresa Barueri. Eu cravei em muitos momentos a condição de candidatíssimo ao título de cavalo paraguaio ao Barueri e acho que estava errado. Em que pese o resultado, o Barueri deu um sufoco monstro nos Bambi e merecia melhor sorte na partida. Vai dar muito trabalho ao Inter, que vive um eterno questionamento sobre o trabalho de Tite. É visível que o time do Sul tem problemas. Alguns jogadores estão muito abaixo do esperado, e nem incluo o Taison, pois não temos parametros de comparação. Cito, sim, Magrão, D'Ale, Sandro, Kleber (este então.......). O Inter, mesmo sendo o quarto do campeonato, está pressionado para vencer. Veremos...

E em Goiânia, o surpreendente é otimo Goiás vai enfrentar o outro Atlético, agora o Paranaense. Ocorre que este Atlético está mais pra baba do que pra Zebra. Se Hélio dos Anjos soltar o time, o alviverde simplesmente atropelará o genérico paranaense.... Barbada da rodada, sem dúvida.

No mineirão, o Cruzeiro em franca ascensão (odeio o Leonardo Silva que me tirou 7 pontos no Cartola) e voltando ao seu lugar de origem na tabela enfrenta o combalido Leão. Sem técnico e em crise, o Sport não aguentará a pressão e cairá perante a força do Cruzeiro. Sinceramente, o Sport de hoje não é nem sobra daquele forte time do ano passado e, até mesmo, dos primeiros meses deste ano. Acho que o Leão não superou a eliminação da Libertadores ainda. E para piorar errou feio ao contratar seu xará para dirigir o time......

Em Santo André, o time da casa enfrenta o Corinthians. O Timão, agora sem André Santos, Christian, Elias, Douglas e Ronaldo saiu da cadeira de favorito e deixou o a vaga aberta. Acho que vai dar Santo André.

E no Palestra, o Palmeiras, já com Muricy, enfrenta o revigorado time de Renato. Que a entrada de Renight fez muito bem ao time das Laranjeiras é inegável. Contudo, o Fluminense ainda tem um time extremamente limitado. Conca e Fred ainda não se entederam e talvez isto nem aconteça. Do outro lado, o Palmeira, embalado pelo sacode no Curintias, vem com os ânimos elevados e com a vontade de mostrar serviço ao novo professor. Como se trata de futebol, vai dar Fluminense ou empate.

Na quinta, teremos no Morumbi o São Paulo enfrentado o Grêmio. Visivelmente melhor, o São Paulo baterá o Grêmio que não ganha de ninguém fora de casa. Ricardo Gomes agradece. Agora, o São Paulo brigará, no máximo, por uma Libertadores.

E no Maracanã, o Flamengo receberá o líder Atlético MG. No ultimo post afirmei que era hora do Galo ganhar gordura para brigar pelo título. Perdeu em casa. E perderá de novo. É certo que o time de Celso Roth tem padrão tático, mas falta talento. É certo também que a janela lhe será generosa. Mas, o time está acima do que será sua posição no final da tabela. Apenas a janela pode mudar isto. Já o Flamengo, (ah! o Flamengo) vai vencer o Galo, o oba-oba tomará conta da Gávea, e aí... Bem o final todos sabemos.

Por fim, o surpreendente Avaí enfrentará o bom time do Vitória. Jogo imprevisível. O Avaí é momento, o Vitória é constância. Aposto no Vitória...

É isso aí...


2 comentários:

  1. pet,chupinhei o texto e jácoloquei lá !
    não me processe!
    (ah! te dei os cre´ditos!)

    ResponderExcluir